14.1.10

COM AS PRIMEIRAS RUGAS VIVO ASSIM...

Hoje sou muitas para poder ser eu mesma! É necessário as primeiras rugas para entender melhor a vida.
É fome de muita menopausa para enxergar a si própria e ser feliz!




Hoje vivo assim...

*Primeiro eu e segundo você.

*Amores não são mais necessidades, e sim robes na minha vida.

*Liberdade é a minha bandeira que jamais desce do mastro.

*Beleza é fundamental, mas o feio muitas vezes faz parte da beleza.

*Sou o que sou , e não o que os outros acham que devo ser.

*A minha liberdade de expressão eu não admito que seja emudecida nem pela vida.

*Procuro a quem me procura de igual para igual.

*Dou ênfase a mínimos detalhes como um telefonema no meio da noite para um simples"oi".



*Ofereço uma face para bater, mas a outra quem bate sou eu!

*Família é fundamental , é meu oxigênio.

*As noites para mim são mais claras que o clarão do dia.

*Ouço, mas não sigo palavras.

*Ajo exatamente como o outro age.

*Acho fútil objetos de valor porque a minha alma que tem valor ou não.

*Se tiver que ser será! Não perco mais tempo em procuras.

*O meu passado é a minha resposta do hoje porque tudo que sou e penso devo a ele.

*Os que me aceitam do jeito que sou terão o meu respeito eternamente.

*Eu não mais preciso olhar nos olhos para amar mais ou menos.

*As minhas dores são só minhas.

*Vivo relaxada diante da brincadeira: bem-me-quer ou mal-me quer !



*A sociedade não me governa, apenas me encaminha para onde quero ir!



*Política e religião para mim vivem na minha esquerda.

*As minhas rugas eu não admiro-as, mas as entendo.

*Corro riscos, mas não dou a mão a palmatória.

*A vida pode me tirar as verdades, mas não as minhas convicções.

Sou hoje bem mais feliz que ontem com as minhas primeiras rugas!

(Sonia)




6 comentários:

  1. "Há corações que param no passado;
    e para que isto não
    aconteça com você deixo-lhe este
    pequeno lembrete, para que o
    seu coração, ao mover-se no futuro,
    encontre sempre algo no
    presente."

    Bom fim de semana.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  2. Amei este texto, sinto que a vida tem que ser bem assim mesmo, hora de pensar em nós, é um egoísmo saudável!
    beijo, lindo fim de semana

    ResponderExcluir
  3. Olá Sônia,
    Descobri seu blog por estas andanças na blogosfera.
    Adorei seu texto e me identifico em muitas de suas palavras.
    Este calor que herdamos, não é nada diante da nossa força e vontade de viver.
    Já inclui seu blog na lista dos meus favoritos.
    Abraços,
    Márcia - Cascais/Portugal

    ResponderExcluir
  4. Saudade de vc. loiraça... Agora tá com rugas é??? Onde??? Duvido dê-ó´dó... Anjo não tem rugas... só asas e muitas alegrias....Bjitos.

    ResponderExcluir
  5. Adorei o texto mesmo não sendo infeliz com as rugas, não posso dizer que elas me fazem feliz, mas tbém não morro por causa delas.Elas estão aqui, fazem parte do caminho percorrido. Convivo apenas com elas.rs

    Adorei a frase que inciia o texto. Linda, Sonia!

    Bjão

    ResponderExcluir
  6. A receita perfeita!
    Vou anotar e certamente vou seguir à risca.
    Gostei por demais.
    beijo.

    ResponderExcluir

Indique o Blog!